Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e receba as nossas novidades

Clique aqui para efectuar o registo
       

Quem Somos?

A Federação Portuguesa de Desporto para Pessoas com Deficiência (FPDD) é uma Federação multidesportiva, pessoa colectiva de direito privado, dotada de Utilidade Pública Desportiva, constituída sob a forma de Associação sem fins lucrativos que prossegue a nível nacional o desenvolvimento da prática cumulativa de diversas modalidades desportivas no âmbito do desporto para as pessoas com deficiência, em articulação e no respeito pelas Associações Nacionais por área de deficiência suas filiadas. 

Mantêm-se, como Associados efectivos as cinco Associações Nacionais de Desporto por Deficiência, abreviadamente designadas por (ANDD's): 

  • ANDDVIS, Associação Nacional de Desporto para Deficientes Visuais
  • ANDDI-Portugal, Associação Nacional de Desporto para a Deficiência Intelectual
  • ANDDEMOT, Associação Nacional de Desporto para a Deficiência Motora
  • LPDS, Liga Portuguesa de Desporto para Surdos
  • PC-AND, Paralisia Cerebral Associação Nacional de Desporto

A Associação de Atletas Portadores de Deficiência (AAPD) é Associado Extraordinário da Federação.

Enquadramento Histórico

Desde a sua fundação em 7 de dezembro de 1988, a FPDD é responsável pela preparação e coordenação da representação nacional em eventos desportivos internacionais, tendo estado Portugal representado com Missões Paralímpicas em Barcelona'92, Atlanta'96, Sidney 2000, Atenas 2004 e Beijing 2008, e ainda com seleções nacionais nos diferentes Campeonatos do Mundo e da Europa até hoje realizados. 

A primeira participação portuguesa verificou-se na quarta edição dos Jogos, em 1972, em Heidelberg na Alemanha, com a presença de uma equipa de Basquetebol em cadeira de rodas constituída por atletas com lesões vertebro-medulares e amputados do Centro de Medicina de Reabilitação de Alcoitão. 

Após o 25 de abril de 1974 houve um período de interrupção. Foi retomada a participação em 1984, nos Jogos Paralímpicos que tiveram lugar em Nova Iorque com a participação da paralisia cerebral. Em 1992 verifica-se a primeira participação conjunta com a presença de cegos e deficientes motores sob a responsabilidade da FPDD.

Medalhas

Nova Iorque'84 

Portugal participou com uma miss&atile;o constituída por 15 atletas, 11 dos quais conquistaram 14 medalhas: 
  • Atletismo - 3 de ouro, 2 de prata e 5 de bronze
  • Boccia - 1 de prata
  • Ciclismo - 1 de prata e 1 de bronze
  • Ténis de Mesa - 1 de bronze
Seul'88 

Participaram nos Jogos Paral’mpicos 13 atletas, 10 dos quais ganharam 12 medalhas: 
  • Atletismo - 2 de ouro, 4 de prata e 3 de bronze
  • Boccia - 1 de ouro e 2 de bronze

Barcelona'92 

Participaram 30 atletas, 4 dos quais conquistaram 7 medalhas: 
  • Atletismo - 3 de ouro, 1 de prata e 3 de bronze
  • Natação - 1 de bronze

Atlanta'96 

Participaram 35 atletas, 8 dos quais alcançaram 13 medalhas: 
  • Atletismo - 4 de ouro e 2 de bronze
  • Boccia - 3 de ouro e 1 de prata
  • Natação - 2 de prata e 1 de bronze

Sidney'2000 

Dos 53 atletas que participaram nas modalidades de Basquetebol, Futebol 7, Ciclismo, Ténis de Mesa, Atletismo, Boccia e Natação, 8 receberam 15 medalhas: 
  • Atletismo - 5 de ouro, 3 de prata e 3 de bronze
  • Boccia - 1 de ouro, 1 de prata e 1 de bronze
  • Natação - 1 de prata

Atenas'2004 

Portugal participou com uma delegaç&atile;o de 42 atletas que receberam 12 medalhas: 
  • Atletismo - 2 de prata e 1 de bronze
  • Boccia - 2 de ouro, 3 de prata e 1 de bronze
  • Natação - 3 de bronze

Pequim'2008 

Participaram 35 atletas que alcançaram 7 medalhas: 
  • Atletismo - 1 de prata
  • Boccia - 1 de ouro, 3 de prata e 1 de bronze
  • Natação - 1 de bronze
Ficheiros para download
Utilidade Publica_20120001.pdf (145kb)